TRAGÉDIA: Mulher é degolada, arrastada e desovada em vala de Sinop

Escrito em 03/06/2024
Rafaela Bonifácio

Um feminicídio brutal foi registrado na madrugada deste domingo (02), no Bairro Jardim das primaveras, em Sinop. Uma mulher, identificada como Bruna de Oliveira, de 24 anos, foi brutalmente assassinada por um homem em uma quitinete localizada na rua dos Biris. Após o crime, o agressor arrastou o corpo da vítima por cerca de três quadras até a rua das Orquídeas, próximo ao Parque Florestal, onde o corpo foi encontrado em uma vala na noite do mesmo dia.

Câmeras de segurança registraram o momento em que o criminoso deixou o conjunto de quitinetes por volta das 4h55, arrastando o corpo da mulher com uma corrente enquanto pilotava uma moto. As imagens sugerem que a vítima já estava sem vida.

Conforme a perícia, a vítima apresentava ferimentos por arma branca. “O crime é bárbaro devido ao arrastamento, na verdade, um esgorjamento por arma branca. Depois ele passou a corrente no pescoço e arrastou por três quadras, desovando o corpo na matinha da reserva florestal”, detalhou o perito André Fúrio.

Ainda no trabalho da perícia, os arrastamentos não ficaram preservados. No local onde ela foi encontrada na terra, houve pisoteamento provavelmente de populares. O arrastamento no asfalto também não se vê, porque já se passaram quase 24 horas desde o homicídio.

No Boletim de ocorrência, é informado que o irmão da vítima encontrou o seu corpo que foi desovado. Segundo o documento, o irmão informou que a vítima disse que sábado teria saído com um suspeito de 32 anos, e que depois não foi mais vista.

Ele então entrou em contato com o suspeito pedindo pela irmã, e o mesmo informou que havia deixado ela na casa por volta das 22h. Ele teria ido até a casa do suspeito, e que o homem teria se mudado, e que pelo aparatamento havia muito sangue derramado no chão, onde havia indícios que teria jogado água, na tentativa de limpar a cena. Com essa desconfiança, o irmão saiu procurando pela vítima pelas redondezas na qual a localizou.

A Polícia Civil está em busca do assassino, que se encontra foragido. A motivação do crime continua sendo investigada. O corpo da mulher foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Sinop para exames de necropsia e identificação oficial.

Leia também –

Acompanhe essas e outras notícias no   Jornal Integração